Sal x Sódio, Você sabe a diferença?

Sódio

O excesso de sódio em nossa alimentação nos leva a ter problemas de hipertensão cardíacos e renais. Para que a falta dele em nosso organismo não seja prejudicial a saúde, devemos aprender a utiliza-lo como aliado. Nenhum alimento incluindo o sal pode ser considerado um vilão a nossa saúde, desde que consumido dentro das quantidades recomendadas.

sal

O que prejudica a saúde é o alto consumo de sódio na alimentação. Precisamos entender que o sal e o sódio, não são a mesma coisa, pois o sal é formado por dois minerais, o sódio e o cloro. O sal de cozinha é o alimento mais rico em sódio, sua composição é de 60% de cloro e 40% de sódio, e pode variar entre os diferentes tipos de sal.

Como fazer dele seu aliado

Eliminar o sódio da alimentação não é o caminho, pois o sódio tem importância na regulação do equilíbrio hídrico do organismo, além de outras influências. Sua falta pode causar câimbras, desidratação, tonturas e hipotensão arterial.

O certo é equilibrar a sua quantidade no dia a dia. A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda o consumo de 6 g por dia, que equivale a uma colher de sobremesa rasa, pois devemos lembrar que o sódio faz parte da composição de alimentos.

Temperos

O primeiro passo é evitar a adição exagerada de sal no preparo dos alimentos e assim reduzir o consumo de sódio. Existem temperos naturais que podem ajudar em nossas receitas, como alho, alho-poró, orégano, cebola, cebolinha, pimenta, manjericão, louro e salsinha.

Evite o consumo excessivo de alimentos industrializados, pois a maior parte do sal consumido diariamente vem de alimentos industrializados, por isso, fique atento à tabela nutricional que vem no rótulo. De acordo com a OMS, um produto que contém mais de 400 mg de sódio por 100 g do alimento é considerado prejudicial  à saúde.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *